Mulher é esfaqueada em viatura de polícia após denunciar ex-companheiro

A jovem notou que o homem tinha instalado uma câmera em seu banheiro e, com medo das imagens dela e do filho de 8 anos serem divulgadas, resolveu fazer uma denúncia à polícia. Como era final de semana, Laís e o ex-companheiro foram conduzidos no banco de trás da mesma viatura para uma delegacia em Teófilo Otoni, a 100 km de Pavão. + Homem é preso ao arrombar igreja e roubar R$ 52 em moedas na Bahia O delegado da Polícia Civil de Teófilo Otoni, Eduardo Gil, informou ao "UOL" que o homem teria pedido para buscar um documento em casa antes de entrar na viatura e os policiais permitiram. Foi neste momento que ele pegou uma faca e escondeu no tênis. Quando estavam chegando ao destino, o acusado atingiu Laís no pescoço com a faca e tentou se matar em seguida. Ela morreu no local, mas ele sobreviveu e foi preso. O delegado informou que será aberto um inquérito para investigar o procedimento policial. Otoni explica que os dois deveriam ser transportados em compartimentos separados da viatura ou o acusado deveria estar algemado.

No Banner to display

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*