Para barrar denúncia, Temer se reúne com 42 deputados nesta terça-feira

Com a proximidade da análise da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer na Câmara, o peemedebista tem reuniões agendadas com mais de 40 deputados nesta terça-feira (3), segundo a agenda divulgada pela assessoria do Palácio do Planalto.
Por se tratar de uma denúncia contra o presidente, a acusação só poderá ser analisada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) mediante autorização da Câmara dos Deputados. + Senado deve analisar afastamento de Aécio nesta terça-feira Segundo publicado pelo "G1", a maratona com deputados faz parte da estratégia do governo para barrar o avanço da nova denúncia. Na primeira, o Planalto usou uma estratégia similar. Além de Temer, a denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) inclui os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral). A agenda oficial prevê 21 audiências nesta terça-feira. Alguns deputados serão recebidos individualmente. Em outras, haverá reunião com mais de um parlamentar ao mesmo tempo.

No Banner to display

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*