“Mario Gay” pode perder cadeira: PPS divulga suposta carta de desfiliação

Fonte:Impacto online Eleito com 582 votos pelo PPS, o vereador andradinense Mario Henrique Cardoso, o “Mario Gay”, ingressou na Justiça, nesta sexta-feira, 30, para apurar uma suposta carta de desfiliação partidária divulgada na rede social com assinatura e reconhecimento de firma em cartório. Ele questiona a autenticidade do material e fala em complô para tomar sua cadeira. Nos bastidores políticos o que se comenta é que o vereador vem causando ciúmes pelo simples fato de não apoiar um dos colegas à presidência da Câmara no pleito previsto para amanhã durante a posse. O presidente do PPS, Osvaldo Ordones, publicou imagens da suposta carta de desfiliação com assinatura de Mário Gay reconhecida em cartório. “O nosso amigo Mario Gay diz por ai que não assinou nada, deve ser bipolar, pois segue a carta de desfiliação, com firma reconhecida”, escreveu Ordones. TRE CIENTE - Nos comentários abaixo da foto, o presidente da sigla afirma que “recebeu a carta de desfiliação e a encaminhou ao TRE [Tribunal Regional Eleitoral].” “Apesar de não ser necessário foi reconhecido firma da assinatura do vereador, para não dizerem que foi fraude ou que ele não assinou nada, inclusive a mesma está a disposição para fazer um exame grafo”, detalhou na postagem. CRÍTICAS “O estrelismo entrou em sua cabeça desde a eleição, infelizmente ele vem tratando as coisas como realyte show ou big brother, só inventa história, só tenta causar mal estar ai no ataque de estrelismo dele e entrega a carta de desfiliação, alegando que se elegeu sozinho e não precisa de partido nenhum”, criticou Ordones. A reportagem tentou contato com o presidente do PPS para obter detalhes a respeito do assunto, especialmente saber a origem da suposta carta de desfiliação, mas seu celular acusou caixa postal. Vejam comentários da rede social. Agora é aguardar para ver quem está com a verdade.

No Banner to display

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*