Prefeitura nega, mas tem contrato de R$ 214,9 mil com publicitário preso

Apos a publicação de uma noticia sobre furto de equipamentos de som no município de Castilho. Muitas contradições levantaram suspeitas de irregularidades na atual administração. Veja o que publicou o site paparazzinews.com.br "A Prefeitura de Castilho tenta negar  e ludibriar a opinião pública, deixando de lado a transparência que deve nortear a administração pública da prefeita Fátima Nascimento (DEM). O setor de comunicação do poder público municipal informou que a empresa de Vanilson Diogo Neves de Oliveira – preso no começo da semana por furto – tem contrato de apenas R$ 37,5 mil por um ano, mas a licitação fracionada revela que o valor é de R$ 214.900,00. A reportagem apurou no site www.castilhoonline.sp.gov que o total é da seguinte forma: 200 h de som P.A. 1×1 valor 195,00 a hora. Total ano: R$39 mil. 400h de som P.A. 2×2  valor 249,00 a hora. Total ano: R$ 99.600,00. 200 h de som c 2 caixas ativas para uso diurno valor R$ 94,50 a hora. Total ano:  R$ 18.900,00. 200 h de som com 2 caixas ativas para uso noturno valor R$ 99,50 a hora. Total ano: R$ 19.900,00. Total 1 mil horas.Total parcial de locação de som: R$ 177.400,00 ano. 1.500 horas de som volante. Valor R$ 25,00 a hora. Total de 37.500,00 propaganda volante. Valor total licitado em 9 de outubro entre locação de som e propaganda volante: R$ 214.900,00. Os serviços serão feitos de acordo com a necessidade do serviço público. DIFERENÇAS – A reportagem consultou um ex-servidor municipal. Ele revelou que 2015 e 2016 os gastos anuais nesses serviços nunca ultrapassaram a casa dos R$40 mil/ano. A título de exemplo, ele revelou que em todo o ano de 2015, a Prefeitura de Castilho gastou mais ou menos  R$ 9.200,00 com este serviço que consumiu 368h de propaganda volante na cidade. Outro detalhe é que este serviço era prestado não por um, e sim por três empresas, já que em várias ocasiões, diferentes comunicados da Prefeitura aos cidadãos deveriam ser feitos simultaneamente, em diferentes áreas da cidade". no link o site mostra documentos  veja - http://www.paparazzinews.com.br/news/2017/11/09/prefeitura-nega-mas-tem-contrato-de-r-2149-mil-com-publicitario-preso/

No Banner to display

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*